Connect with us

Escreva Algo e Clique em Procurar

Análise de séries

Baki o campeão é bom?

Baki não é o melhor enredo, mas com certeza é um dos animes com mais ação e artes marciais que você verá!

Existe um nicho de animes que é exclusivamente sobre artes marciais e torneios. Nesse nicho, não temos poderes extravagantes e etc. São Apenas musculosos com grande habilidade de lutas e que duelam em torneios, a fim de se consagrarem os mais fortes dentro daquele universo. Você pode estar achando meio confuso. Porém, não é porque o anime tem porradaria que ele é de artes marciais exclusivamente. 

O caso de Baki, é um desses. No anime, o personagem Baki Hanma é um lutador de 17 anos que tem como sonho se tornar mais forte do que seu pai Yujiro Hanma

Trama de Baki Hanma – primeira temporada

Na história da primeira temporada, 5 presidiários vão até o Japão para participar de um torneio de artes marciais que reunirá grandes nomes da Ásia e de todo o mundo. Dentre eles, temos Baki, que é recém campeão de um torneio e é considerado o homem mais forte do Japão. 

O anime se inicia com o termo “sincronicidade” em que explica a conexão entre lutadores fortes e porque eles devem se encontrar no decorrer do anime. 

A primeira temporada é bem intensa. Traz alguns flashbacks para entendermos como Baki chegou a posição de ser o melhor. Quando eu digo o melhor, é o melhor mesmo. Pois o Anime contém exageros absurdos em alguns momentos. 

5 prisioneiros que chegaram no Japão para lutar contra Baki e outros lutadores

Vale ressaltar, que Baki não aparece tanto nessa temporada. A série fica mais focada nesse momento, em mostrar que o negócio é “porrada mesmo”. 

Qualidade técnica

Baki o Campeão é uma animação bem peculiar, com traço bem grosso e às vezes usa aquela tecnologia estranha que a Netflix utiliza em diversos animes. Se você não ligar muito pra isso, vem aí a construção corporal. Os criadores se preocupam em mostrar corpos muito maiores do que de fisiculturistas. Lembra do Toguro de Yu Yu Hakusho? Ele vai parecer um anão perto dos lutadores de Baki.

Esse tipo de ideia de corpo, não é ruim para a animação. Apenas causará estranheza. Contudo, você se acostuma e esse não chega a ser um ponto negativo dentro da trama.

quadrinho de Baki o Campeão
Imagem retirada do quadrinho Baki de onde a história do anime foi tirada.

Qualidade do Enredo

Baki o Campeão tem que ser “digerido” aos poucos. O enredo, é muito simples e às vezes muito cansativo. O foco das lutas são os corpos gigantescos e muita porrada/sangue. Mas quando eu digo muito, é muito mesmo! Existem algumas lutas que duram uma eternidade e são lotadas de reviravoltas. Tais reviravoltas não seriam um problema, se não fossem absurdas demais. os criadores levam as lutas a um nível que eu jamais vi. Nem em animação! É coisa de quebrar os dedos, quebrar os braços, fratura exposta e ainda continuarem se batendo até praticamente ficarem só as tripas. Mas vale ressaltar, que se recuperam rápido como na maioria dos animes. 

Outra coisa que me deixou meio encabulado, é que durante a primeira temporada, parece que em muitos momentos, deixam o Baki mais fraco propositalmente para enriquecer o enredo. Sendo que ele já começa a primeira temporada como “maior lutador do Japão” e alguns dizem que sendo o segundo maior do mundo (atrás apenas de seu pai). Isso é bem esquisito, porque às vezes você se sente desconfortável vendo que ele com certeza brigaria com um ou outro ali de igual para igual e parece sentir “medo”.

Um dos personagens mais interessantes (e indestrutíveis) da primeira temporada é Dorian. Um lutador de 60 anos (isso mesmo) que parece calmo, porém é um psicopata e dá muito trabalho para o protagonista e também para todos os seus amigos. Apesar do fim melancólico que o antagonista tem, ele apresenta de fato as habilidades do lutador Doppo Orochi, que é criador do clã Shinshinkai

Baki O Campeão vale a pena?

Apesar de todas as incongruências no enredo, o anime tem muita ação. Então, acredito que muitos irão gostar e irão assistir por esse motivo. E acredito ainda que seja um belo motivo. Pois ao que promete, Baki é bem intenso e entrega muita porrada. Para quem gosta desse gênero, com certeza ele entra na lista. Não o considero nem um dos melhores animes de ação, luta e artes marciais, contudo, é um bom passatempo e você acabará assistindo tudo.

Marcelo Alves
Escrito Por

Publicitário com muito orgulho(e pouco dinheiro), Entusiasta em falar mal de filmes, séries e games. Fã de flashbacks 60,70 e 80's.

Clique aqui para Comentar!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você Pode Querer ver também:

Cinema

O Diabo de Cada Dia, novo longa original da Netflix que chega dia 16 de setembro ganhou um novo poster. Na arte podemos ver...

Séries

Cobra Kai, que agora pertence a Netflix já está com a sua terceira temporada vindo, porém os criadores da serie estão empolgados em criar...

News

A Maldição da Mansão Bly, produção original da Netflix, continuação de A Maldição da Residência Hill chega dia 9 de outubro, a noticia foi...

Anime

O serviço de Streaming deve vir com diversos animes de peso!

Propaganda